Clamentine Part.1

            Inclinei-me tentando pegar o enorme livro de capa vermelha que estava na estante do escritório da minha mãe. Era tão pesado e parecia ser muito antigo pela textura do papel, rapidamente sentei na poltrona e comecei a folhear, uma letra sombriamente impecável, as folhas estavam amareladas, mas porem havia uma conservação.

         Comecei a ler “ Dia 17 de janeiro,  o dia amanheceu chuvoso e sem espécie nenhuma de alegria, me proibiram de ir ate a cidade, o único conforto foi estar ao lado de Clair minha única amiga no momento. E agora estou presa no porão, engolindo meu choro querendo buscar uma explicação para tudo isso, o que realmente sou? Me deixe viver como uma pessoa comum…” Ouvi o barulho do carro, tentei colocar o livro de volta na estante mais foi sem sucesso, então corri pro meu quarto e guardei debaixo do travesseiro e desci imediatamente…

 Autora:Naiara G.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s